O tempo de Stephanie Jung


A alemã Stephanie Jung é uma fotógrafa experimental capaz de hipnotizar qualquer olhar atento. Suas fotografias foram feitas em diversas viagens e dão uma visão singular e nada superficial de cidades como Tóquio, Berlim e Paris – um momento aleatório da vida destes lugares é prolongado em suas imagens.


O recurso de múltipla exposição foi utilizado de forma precisa para revelar o fluxo agitado e o caos das grandes cidades. As cores vibrantes, a desorganização das imagens, as repetições, as pequenas mudanças de ângulo e as transparências intencionais transformam suas fotos em minuciosas obras de arte.


A fotógrafa constrói temas como urbanidade, identidade e cotidiano e suas fotos dão a nítida sensação de perder-se no espaço e no tempo. Jung faz você viajar por segundos, minutos ou horas, dentro de uma mesma imagem.


Eis uma bela confusão.











Confira a página de Stephanie Jung no Facebook: https://www.facebook.com/StephanieJungArt

E o portfolio: http://portfolio122826.4ormat.com/



Ana Claudia Lubitz

Psicóloga por profissão, atua em consultório há 15 anos como especialista em Terapia Cognitivo Comportamental. Na mesma época em que se encontrou em sua prática clínica, se apaixonou pela fotografia. Tem duas exposições individuais: “Amazônia Refletida” (2015) e “Outra Superfície” (2012) e algumas colaborações em exposições coletivas, jornais e revistas de Santa Catarina.



Oficina Palimpsestus - 2020. Todos os direitos reservados.